Desfile Ronaldo Silvestre

0
814

Ronaldo Silvestre é um jovem empresário com formação em desenho industrial, design de moda e desenvolvimento sustentável, possui uma marca de roupas homônima, onde assina coleções de moda sustentável. Em suas peças, tem sempre a preocupação de envolver questões atuais vivenciadas pela sociedade, como sustentabilidade, eco designer e a preocupação sócio-econômica-ambiental dentro da economia criativa.

No DFB 2015 ele apresentou a coleção “Flores da Guerra”, uma coleção atemporal para o verão 2016 composto por refugos de jeans, camuflados, chitas e seda artesanal que definem formas e recortes dos looks. As formas seguem os contornos e silhuetas das árvores. A base para a criação da coleção foi o poema “A flor e a náusea”, de Carlos Drummond de Andrade.

A coleção, uma das melhores desta edição do DFB, aborda o contraponto entre a delicadeza e a poesia, nos dias caóticos e violentos da sociedade brasileira.

Ronaldo mostrou peças bem construídas, boa parte delas envolta por desenhos orgânicos construídos com tiras de passantes. O fio condutor da maior parte das criações deste desfile foi o retecido, técnica onde foi possível criar novas texturas e efeitos sobre o denim.

Segundo a Capricórnio têxtil, patrocinadora do desfile, foram produzidos aproximadamente 1000 metros de passantes, que por sua vez, foram aplicados sobre uma base em jeans, criando o aspecto de ondas. Entre os artigos trabalhados pelo designer, estão: o Papeete, Regente, Newcastle, Carnaby, Tahiti e Bond, todos da Linha Platinum e que trazem em comum, estruturas densas e refinadas, garantindo um visual sofisticado e tingimentos diferenciados

Todo o trabalho artesanal foi desenvolvido junto ao Instituto ‘Tecendo Itabira’, que atua com mulheres carentes na formação de profissionais ligadas à moda e promove geração de renda para elas e suas famílias.

Ficha técnica:
Direção criativa: Ronaldo Silvestre
Trilha: Ronaldo Silvestre
Materiais: Seda Artesanal, jeans, sarjas camufladas e florais
Cores: Gamas da floresta, tons terrosos e chá com mel.
Tipologia Artesanal:
-Tecidos artesanais produzidos no Tear Mineiro com fios de seda.
-Bordado Redendê para flores e sobre estampas.
-Bordado Técnica de Renda Irlandesa – utilizando fios de seda artesanal.
-Cirandinha em Crochê – utilizando fios de seda artesanal.
Bordados: Instituto Tecendo Itabira
Patrocínios:
Tecelagem O Casulo Feliz
Capricórnio Têxtil
Ramarim Calçados.

Clicando AQUI você poderá ver fotos de como foi o processo de confecção das peças deste desfile!

Deixe uma resposta