Desfile ASAP

0
772

A marca gaúcha ASAP (sim, isto mesmo, o nome é uma referência àquela sigla em inglês “as soon as possible”) é nova no mercado, mas muito promissora e faz sua estréia na passarela do DFB!

O estilista Sérgio Amaro sempre gostou de Moda, mas nunca havia se dado conta. Há cerca de quatro anos decidiu criar a ASAP com um amigo. Ele cuida da criação e o amigo cuida da administração. Sérgio entrou para a faculdade de Moda (e se forma em agosto). A ASAP está começando a tomar forma e vai indo bem. Com o desfile no Dragão Fashion, espera-se que a marca realmente deslanche.

Se depender do feeling criativo de Sérgio, a ASAP pode ganhar um público muito moderno e engajado. A coleção da “VERSUS” ASAP mostra ousadia no uso de neoprene com estampas exclusivas e ainda conseguiu se arriscar na proposta do DFB 2015 ao incluir tramas abertas feitas com palha de milho. A seda também está presente e vem em sua forma mais nobre.

A marca caracteriza-se por simplificar o conceito do complicado e busca reflexões nos movimentos do cotidiano e através de um olhar minimalista procura trabalhar o espaço corpo/matéria. A tem inspiração nos contrapontos entre os campos e as grandes cidades e ressalta as características do campo através do uso da palha de milho trançada, forma de artesanato típico dos índios da região Sul do Brasil. Somam-se a esse os elementos tricô manual, acrílico, tecidos mais estruturados e estampas com reflexos dos carros, postes e prédios presenciados nas grandes cidades.

Esteticamente, é difícil classificar a roupa da ASAP. As linhas retas e as formas que pouco modelam o corpo poderiam até figurar um shape “futurista” mas, visto que atualmente este tipo de proposta vem sendo cada vez mais aceita e incorporada, o shape é mesmo bem contemporâneo.

A coleção é linda de se ver, mesmo lembrando bastante outras marcas de Moda brasileiras. Fica agora a pergunta: qual o nicho que a marca quer alcançar e quais os meios de comunicação e vendas? Esta é uma equação de difícil solução, mas Sérgio e sua trupe tem disposição de sobra para descobrir!

Trilha Sonora: Renan Schmidt vs Pedro Damasio
Coordenação de Projeto: Gabriel Granja
Direção Criativa: Sergio Amaro

facebook.com/Asap.possible

Fotos


Fotos: Roberta Braga / Leila Motta / Ricardo K.

Deixe uma resposta