Almerinda Maria | DFB 2019

0
34

A veterana Almerinda Maria trouxe para a passarela seu “Tropical Chic” – ou quem sabe “Chica, chica bom, chic”

Almerinda quis homenagear a pequena notável  Carmen Miranda, que divulgou o samba no mundo e que conquistou a América entre 1930 e 1950 e completaria 110 anos. Os tecidos nobres permanecem na coleção como o linho, voil de algodão e a gaze de seda. As cores já tradicionais da marca, como branco, off White e nude, aparecem mescladas nos tons das frutas e temperos com aromas de brasilidade.

A estilista sabe trabalhar como poucos as rendas Renascença e Richelieu.

O resultado é uma variedade de babados e peças com cintura alta. É uma Carmen Miranda sofisticada, que não perde seu rebolado.

Apoio: @dolmenforyou // @dorattojoias


























 

Deixe uma resposta